12 passos para deixar uma pegada positiva neste ano novo - Aquele Mato

12 passos para deixar uma pegada positiva neste ano novo


Um guia para resoluções de ano novo que promovem práticas sustentáveis e a conexão com a natureza, incentivando os leitores a fazerem escolhas conscientes.

Ao encerrar um ciclo, é natural refletir e ir em busca de novas resoluções para o que vem por aí.
Para tornar as suas resoluções viáveis, a gente pensou em separá-las por períodos para você aplicar no decorrer do ano e finalizar 2024 com hábitos mais saudáveis pra você e sustentáveis para o seu meio.

Então, se você é daquelas pessoas que adoram fazer uma lista de metas para o ano novo e está em busca de viver uma vida melhor, vem com a gente!

Resoluções de Ano Novo para amantes da natureza

Para janeiro, a gente lembra que novembro e dezembro são meses de alto consumo, em razão das festas.

Por isso, é um bom momento para escolher o consumo consciente e começar o detox, reduzindo a ida aos shoppings e optando por marcas responsáveis com o meio ambiente.

Inclusive, fazer uma limpa em casa é uma ótima forma de começar!

Dessa forma, você ajuda quem precisa e ainda reduz a quantidade de lixo que vai para aterros.

Em fevereiro, você pode continuar nesse clima de consumo consciente e escolher produtos orgânicos ou certificados de sustentabilidade.

No mês de março, a proposta é tentar zerar o desperdício, com a resolução de zero waste.

Aqui, é um bom momento para tentar as compras a granel, testar a ecobag, ter sempre em mãos uma garrafa reutilizável para bebidas ou escolher embalagens amigas do meio ambiente.

Ainda nessa temática, em abril você pode aplicar o desperdício zero em relação aos alimentos.

Então, nada de jogar comida fora ou deixar estragar os itens na sua geladeira. Tenha atenção para usar o máximo de cada coisa.

Maio é um mês menos quente ou frio e, com a temperatura mais amena, pode ser uma boa oportunidade de poupar energia, que é um dos recursos que reduzem a cada dia.

Então, substitua as lâmpadas da casa por LED’s, tire os eletrônicos da tomada e, se possível, diminua o uso de aparelhos como ferro elétrico e máquina de lavar.

Assim como em maio, a temperatura no mês de junho pode ser uma aliada para dar início a novas formas de transporte.

Dessa maneira, você colabora para a diminuição das emissões de carbono e movimenta o corpo diariamente, em caminhadas curtas ou passeios de bicicleta.

Agora que já diminuímos o uso de energia, vamos tentar repetir a ideia de poupar com a água, no mês de julho.

A gente sabe que não é o nosso pequeno uso do dia a dia o culpado extremo do desperdício da água, mas cuidar do nosso consumo é sempre importante.

Pois pelo exemplo, a gente muda hábitos e o mundo.

Em agosto temos o início da queda de temperatura.

Assim, essa é uma boa oportunidade de diminuir a carne. Que tal inserir dois dias da semana com uma alimentação com mais vegetais?

Já que falamos de alimentação, dedique-se a ter uma horta caseira neste mês de setembro.

Este é um excelente hábito, que ainda vai garantir uma alimentação gostosa, saudável e barata.

Dependendo do seu espaço, você pode ter de temperos a árvores frutíferas incríveis, bem ali no seu quintal.

Se você seguiu com a ideia da horta, para outubro você vai adorar dar início à compostagem, que é basicamente deixar os resíduos orgânicos se decompor de forma natural.

Dessa maneira, ele vai resultar em uma substância que é um excelente fertilizante.

Ainda sob o ponto de vista de fazer as coisas caseiras, desenvolver o processo de reciclagem dentro de casa é recompensador.

No mês de novembro, crie ecopontos caseiros, separando o lixo e facilitando para os trabalhadores, assim como levando para os lugares certo para destinação.

Ainda nesse mês, começam os planos de férias e viagens e é natural a escolha por praias ou montanhas.

Então, fica a proposta de não esquecer de recolher seu lixo e escolher protetores solares que não prejudicam a natureza.

Com a chegada de mais um fim do ano, reveja tudo que você conseguiu aplicar na sua rotina, compartilhe esses hábitos e leve esse exemplo pra vida.

Lembrando que a gente sempre pede um novo ano bom, mas é importante pensar no que estamos oferecendo de bom para o ano novo!

Conte com a gente nessa caminhada.
E a gente se vê nas trilhas.

Compartilhe

por

Comentários

Deixe um comentário