10 plantas típicas do cerrado

Na nossa região, a vegetação mais abundante, pelo menos, em seu aspecto original, é o cerrado e, com sua vivência ameaçada, a necessidade de conservação desse bioma se faz mais urgente a cada dia.

Cerrado e as diversas espécies de plantas

Inicialmente, o segundo maior do território nacional – o primeiro é a Floresta Amazônica -, o cerrado apresenta árvores e arbustos retorcidos, com uma vegetação espaçada que se encontra em uma região predominantemente tropical, com estações bem definidas: a seca e a chuvosa.

Por isso mesmo, como você já leu aqui, a vegetação que prevalece é constituída por espécies do tipo tropófilas, que, além de se adaptarem, são semidecidual estacional (que caem parte das folhas no período de estiagem) com raízes profundas.

Apesar de generalizarmos, o cerrado é constituído por várias características de vegetação e é classificado em subsistemas: de campo, de cerrado, de cerradão, de matas, de matas ciliares e de veredas e ambientes alagadiços.

Composto por uma rica flora, no cerrado se encontram mais de 500 espécies arbóreas, mas aqui vamos destacar 10 tipos de ampla distribuição no estado.

Frutos do Araçazeiro típico do cerrado

1. Araçazeiro

Entre as várias utilizações dos araçazeiros, o aproveitamento dos frutos e da madeira, sendo também utilizadas a casca, entrecasca e folhas na medicina popular são os seus principais destaques. No cerrado, existem aproximadamente 13 espécies conhecidas e o sabor dos frutos dessas espécies pode variar de adocicado até amargo.

A espécies nativa do cerrado se chama P. firmum.

Frutos do Pau-terra típico do cerrado
FOTO: Ramon Lamar de Oliveira

2. Pau-terra

Também nativa do Cerrado, está entre as mais importantes das plantas lenhosas da região, com altura média de 6 metros e tronco de 30cm a 40cm de diâmetro. Seus frutos abrigam sementes com um formato que facilita a dispersão pelo vento. As flores tendem a tons claros e duas folhas brilhantes lhe qualificam a ser utilizada no paisagismo.

árvores de Jacarandá típico do cerrado
FOTO: Ana Camila Vieira

3. Jacarandá

Com o tronco tortuoso e irregular, sem ramificações até a altura de 10 metros, de 40-80 cm de diâmetro, os jacarandás começam ainda jovens a mostrar toda a exuberância da espécie, que atinge de 15-25 m de altura e é dotada de copa redonda, que anunciam quando a primavera está por vi. Sua casca e madeira produzem corantes para tecidos.

Tronco Aroeira típico do cerrado

4. Aroeira do Cerrado

Carregando a justa fama de produzir a madeira mais resistente do Brasil, dizem que a aroeira dura a vida toda e mais 100 anos. E não à toa. Sua densidade é muito alta e, por isso, produz substâncias que têm ação fungicida e inseticida, tornando ainda mais difícil a ação de agentes de deterioração.

Frutas da Mangabeira típico do cerrado

5. Mangabeira

Uma das mais importantes produtoras de matéria-prima para a agroindústria de sucos e sorvetes do Centro-Oeste, a mangabeira é uma planta que apresenta potencialidade para exploração frutífera, pois seus frutos apresentam teor de proteína superior a maioria dos frutos tropicais. A mangabeira é árvore de mediana grandeza, de folhas miúdas e pontadas.

Folhas e flores do Pau Santo típico do cerrado
Foto: J. Camillo

6. Pau-santo

Ornamental e medicinal, o pau-santo tem galhos retorcidos, floração abundante e delicada, que conferem um aspecto muito bonito ao conjunto. Os ramos, flores e frutos são utilizados na confecção de arranjos florais.

Árvore de Baruzeiro típico do cerrado

7. Baruzeiro

Imperiosa árvore que pode chegar a 25 metros e que apresenta com propriedades fungicidas. É imponente, com copa densa e tronco que pode alcançar até 70 cm de diâmetro. Seu fruto é protegido por uma dura casca que protege uma amêndoa de sabor parecido com o do amendoim, de alto valor nutricional.

Fruto do Araticum típico do cerrado

By Etore.Santos – Own work, CC BY 3.0, Link

8. Araticum

Normalmente, ocorre em áreas secas e arenosas, o Araticum chega a alcançar entre quatro e oito metros de altura. De crescimento lento, costuma frutificar quando chega aos dois metros. Ela possui antioxidantes e ajuda na prevenção de doenças degenerativas.

árvore de cagaiteira típico do cerrado

By Brandizzi – Own work, CC BY-SA 3.0, Link

9. Cagaiteira

Com casca grossa típica do Cerrado e de copa frondosa coberta de folhas verdes brilhantes, que pode chegar a oito metros de altura. A cagaiteira é o nome curioso da árvore que origina fruto de agradável sabor ácido e textura macia, mas que deve ser consumido com cuidados, pois tem um forte efeito laxativo. Essa é uma das explicações populares para o nome “cagaita”.

Ao contrário, suas folhas têm efeito constipador. Além das atribuições medicinais e de produzir um suco muito saboroso, o fruto é utilizado na fabricação de produtos beneficiados, como picolés e sorvetes.

Frutos de Buriti típico do cerrado

By Carlos Alves, CC BY 3.0, Link

10. Buriti

Habitando terrenos alagáveis, o Buriti e encontrado com muita freqüência. E é usado na confecção de esteiras, vassouras, redes, cestos e chapéus. A seiva extraída do caule é utilizada na fabricação de vinho. A raiz curtida em vinho doce possui propriedades anti-reumáticas.

Nós sabemos que existe uma vasta lista com espécies nativas do cerrado e que é essencial difundir o seu potencial. Então, compartilhe com a gente mais nomes e vamos distribuir conhecimento sobre a nossa rica flora.

Compartilhe

3 thoughts on “10 plantas típicas do cerrado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *