Categorias
Oriente-se

Prepare-se para a trilha: tipos de barraca

Bora conhecer os tipos de barraca e aprender a escolher que combina com você e seus planos de uso, Mateiro? Cola aqui e até a trilha!

Bora conhecer os tipos de barraca e aprender a escolher a que combina com você e seus planos de uso, Mateiro?

Afinal, logo logo estaremos de volta às trilhas.

Por isso, é importante conhecer os tipos de barraca, porque ela faz parte do kit de sobrevivência no mato, né?

Antes de tudo, você deve imaginar que são muitos os tipos de barraca.

Pois elas podem servir para diferentes situações.

Ou seja, entre os tipos de barraca, é preciso escolher a certa para uso, desde campings em montanhas até praias, por exemplo.

Então, fique atento às suas necessidades e as características que você vai precisar buscar no tipo de barraca que você precisa.

Modelos e tipos de barraca

Pra começar, existe um modelo e tipo de barraca para cada situação.

Assim, eles se dividem, basicamente, em duas categorias: barracas de três e quatro estações.

Além das barracas de montagem rápida.

Em primeiro lugar, indicadas para iniciantes e intermediários, estão as de três estações.

Isso porque elas têm maior abrangência de climas e são boas para quem deseja acampar em locais onde o vento e a chuva são moderados e estáveis.

Por outro lado, as de quatro estações são as invernais.

Ou seja, elas são adequadas para lugares frios, com chuvas e ventos intensos, assim como altitudes e latitudes extremas.

Diferentemente daqui.

Assim, elas apresentam uma melhor estrutura e são recomendadas para uso profissional por campistas avançados.

Por isso, elas também são chamadas de barracas de expedição. 

Porém, elas não são adequadas para o nosso clima, que é mais quente.

Feita de um material grosso, o calor fica concentrado e, assim, a barraca poderá ficar umedecida com o suor e respiração que você emitir.

Nesse contexto, existem as barracas de 3/4 estações.

Igualmente tendo algumas características da barraca de quatro estações, mas não tão robustas nem tão fechadas quanto as usadas em montanhas muito altas.

Por último, temos as barracas automotivas.

Em síntese, essa é uma alternativa às barracas convencionais.

Dessa maneira, você pode montar a barraca em cima de um veículo que possua rack ou bagageiro.

Inclusive, se você precisar mover o veículo de lugar não é necessário desmontá-la.

Legal e prática, né?

Como escolher barraca

Afinal, como escolher uma boa barraca?

Ao escolher uma barraca de camping, é possível se deparar com 3 modelos ou formatos: Canadense, Iglu e Tubular.

Canadense

Iglu

Tubular

Então, bora aprender a escolher a barraca certa para sua necessidade.

Pra começar, temos a Barraca Canadense.

As barracas canadenses são aquelas que têm um formato triangular, sendo muito comum e relativamente simples de montar.

Porém, elas tendem a ter um espaço interno reduzido.

Além de ser muito pesada, em razão da sua armação, que, geralmente, é feita de aço. 

Em segundo lugar, você pode escolher a mais comum Barraca Iglu.

Obviamente, as barracas Iglus são as que possuem o formato de um “iglu”.

Logo, ele é feito basicamente por duas varetas que se cruzam e que mantém a barraca armada mesmo não estando espetada.

Além disso, ela apresenta boa resistência ao vento e não é tão pesada quanto as barracas canadenses.

Atualmente, é um dos modelos mais procurados no mercado, justamente por sua resistência e leveza. 

Por último, a Barraca Tubular, com seu formato similar a um túnel.

 Assim, elas possuem um amplo espaço interno e são bem resistentes ao vento.

Dessa forma, ela tem varetas paralelas e precisa ser firmada com estacas no chão para poder ficar firme.

Apesar de existirem mais opções, esses são os modelos mais difundidos por aqui.

Logo, a escolha de uma barraca depende da sua preferência e dos seus planos para usá-la.

Mas lembre-se:

Além de escolher o seu tipo de barraca certo, verifique alguns fatores. 

Tal como para qual atividade e para quantas pessoas ela será usada.

E ainda, qual é o clima do local onde será usada.

Igualmente importante saber o peso, volume e espaço interno que ela oferece.

Além da ventilação e facilidade para armar.

Bora acampar?

E, aí, Mateiro, já está planejando a sua próxima aventura? 

Com certeza, a gente não vê a hora de poder cair na estrada de novo! 

Bora combinar?

Então, comenta aí se quiser colar com a gente na trilha!

A gente se vê!

Tchauu.

Gostou? Compartilhe =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *