A consciência ecológica é uma nova maneira de encarar o mundo, algo que vai além dos atos ‘ecologicamente corretos’ básicos.

Vivendo em uma sociedade capitalista, que promove por natureza o consumo exagerado de coisas que sequer precisamos, o cenário é propício para que haja um aumento na demanda por recursos naturais, degradando cada vez mais nosso meio ambiente.

Devemos levar isso e muito mais coisas em conta, promovendo muita educação ambiental, para que nossa compreensão das necessidades do meio ambiente agregue à nossa consciência ecológica.

consciência ecológica

Mato Grosso do Sul e a inconsciência generalizada

As belezas naturais de Mato Grosso do Sul são motivos de orgulho para todo morador do estado. Afinal, nos dias atuais, não são muitos os lugares em que se pode admirar o voo dos pássaros e as árvores floridas em meio à urbanização.

Mas, sem consciência ecológica, podemos desencadear problemas em consequência do desperdício e da não preservação do meio ambiente e seus recursos naturais.


Com o grande crescimento dos transtornos ambientais, sempre destacamos por aqui questões que merecem ser debatidas, seja pelos governantes ou pela população, para tentarmos diminuir esses desastres e as perdas da biodiversidade.

Ações para evitar o excesso de consumo como descartar o lixo corretamente e dicas para preservar os recursos naturais

fazem parte da nossa meta – e desafio – de despertar uma nova consciência no cidadão sul-mato-grossense, visando a nossa evolução.

Não é incomum vermos atitudes que desanimam cada pessoa que gostaria de viver em um local limpo, agradável e sustentável. Alguns flagrantes são diários:

  • Jogar lixo nas calçadas ou até mesmo atirando-o pelas janelas dos carros;
  • Depredar parques;
  • Equipar o carro com dispositivo que lança fumaça;
  • E esbanjar água para lavar calçadas e automóveis, por exemplo.

E, para implementar a educação ambiental, precisamos aplicá-la no dia a dia. Então, hoje, queremos aumentar a consciência ambiental na sua rotina, com uma reflexão para um ambiente saudável e responsável.

Casos de inconsciência como os citados acima são comuns, mas, mesmo que a gente não perceba e quase sem querer, diariamente impactamos o meio ambiente, com produção de lixo, uso inadequado de recursos naturais, poluição

Quando nos dispomos a cuidar do meio ambiente, é bastante usual também lembrarmos de adotar medidas de prevenção em casa ou na rua e nos esquecermos do nosso local de trabalho, em que passamos a maior parte do dia. Então, pensando em estender os hábitos sustentáveis, que tal aproveitar a hora do expediente para adotar algumas pequenas ações contra as agressões ao nosso verde?

  • Incentive a carona;
  • Diminua o desperdício de papel no escritório (imprima menos e reutilize rascunhos);
  • Dê preferência para a iluminação natural;
  • Utiliza aparelhos energeticamente eficientes;
  • Economize copos plásticos, tenha sua própria caneca;
  • Utilize o lixo seletivo;
  • Feche a torneira completamente ao ir ao banheiro;
  • Apague a luz ao sair.

Esses comportamentos são táticas muito válidas que precisam ser fortalecidas.

As mudanças precisam, sim, acontecer em escala mundial. Porém, é fundamental que cada um faça a sua parte e assuma a responsabilidade ambiental.


Bom, depois de refletirmos, é hora agir e fazer da nossa escolha uma ação concreta, para que as próximas gerações cresçam aproveitando a natureza e com a consciência verde.

|

Oriente-se

Nome:
Email:
Site:
Escreva seu comentário: